Bem vindo ao Visão Notícias - 18 de Junho de 2021 - 01:43

SAÚDE

Secretário estadual de Saúde visita obra de ampliação da ala Covid-19 no Hospital Regional de Co

09 de Junho de 2021 ás 17h 14min, por Nortão Online

A obra de ampliação da ala Covid-19 no Hospital Regional de Colíder já está em fase final. Serão 10 novos leitos de UTI e 20 de enfermaria especificamente para o tratamento  de pacientes com coronavírus em Mato Grosso. A ampliação prevê um incremento de 1,17 mil metros quadrados e a conclusão da obra está prevista para até 30 dias.

A gestão estadual investe aproximadamente R$ 8 milhões na estrutura, que poderá beneficiar a população mesmo após a pandemia pelo coronavírus. Na fase final, será realizada a colocação do piso, dos acabamentos e a equipagem dos ambientes.

O Hospital Regional de Colíder é referência em assistência hospitalar para outros cinco municípios da região e, atualmente, conta com 16 leitos de enfermaria para o tratamento da Covid-19. 

Em visita à unidade, o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, pontuou a importância desta ampliação para a rede hospitalar do Estado.

“Esse é mais um projeto que integra o programa Mais MT, anunciado pelo governador Mauro Mendes. As equipes da Secretaria Estadual de Saúde estão totalmente empenhadas nesta ampliação e na modernização de praticamente todas as unidades estaduais. Esses 30 novos leitos para o tratamento de pacientes com Covid-19 no Hospital Regional de Colíder viabilizarão uma melhor assistência à região e ao Estado. Ainda assim, é muito importante reforçar que as medidas de biossegurança e prevenção continuam sendo essenciais. Use máscara e pratique o distanciamento social”, disse o gestor.

A superintendente de obras da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), Mayara Galvão, explicou que a ampliação feita no Hospital Regional de Colíder proporcionará diversos benefícios aos servidores e pacientes.

“Além de leitos novos, que possibilitarão melhor assistência à população de Mato Grosso, haverá a melhoria dos fluxos hospitalares e a implantação de um sistema completo de gases. Está sendo feito um grande investimento nessa estrutura”, concluiu.