Bem vindo ao Visão Notícias - 07 de Maio de 2021 - 05:31

SEM CLIMA

Deputados são contra impeachment, mas cobram mudanças de Jair Bolsonaro

26 de Março de 2021 ás 08h 00min, por RD NEWS

Na avaliação do líder da bancada de Mato Grosso no Congresso, Doutor Leonardo (SD), não é o momento para discutir processo de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Mesmo com críticas, ele avalia que é importante unir esforços para frear o avanço de casos da covid-19. No mesmo sentido, o deputado Neri Geller (PP) reforçou que é o momento de despolitizar a crise de saúde.

Rodinei Crescêncio

Dr Leonardo Albuquerque

Líder da bancada critou Bolsonaro, mas não vê clima para impeachement 

“Não podemos fingir que as pessoas não estão morrendo e nem passando fome. A crise está instalada e não dá para culpar a imprensa. Não tem clima popular seria uma irresponsabilidade tocar impeachment no pior momento da pandemia, mas o que vemos é humildade zero do presidente. Ele não age como um grande líder, não pede ajuda de outros países e não assume os erros. Isso precisa mudar”, avalia Leonardo.

Ao , o parlamentar disse que considera corajosa a atuação do Congresso em tocar pautas importantes para o país, mas que no Executivo as ações de combate à pandemia não têm sido eficientes. Ele estranha o fato do país ter experiência em campanhas de vacinação e um sistema de saúde unificado que não tem funcionado de forma adequada diante da situação.

Rdnews

Neri Geller

Neri fez coro a Lira sobre crise de saúde. Lira acendeu a luz amarela 

“Fica um jogando contra o outro e sem alinhamento nacional, falta estratégia de guerra. Temos expertise, mas ninguém conversa e só pensa em 2022. O peso político das decisões fica só para o Congresso. Aí teve uma cobrança da base e ele mudou o discurso”.

No mesmo sentido, Neri fez coro com o presidente da Câmara Arthur Lira (PP) que saiu de reunião com Bolsonaro e fez discurso duro sobre a atuação do governo federal acendendo “a luz amarela”.

“Tem que descer do palanque, Bolsonaro tem razão em manter o comércio e a economia funcionando, mas precisa mudar em relação à pandemia. Estamos alinhados com presidente, mas não da forma que está fazendo. Precisa dar um rumo, avançar. O presidente tem que dar autonomia ao ministro da saúde para resolver isso”, afirmou Neri que ainda considera “fora de cogitação” o impeachment.