Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bem vindo ao Visão Notícias - 27 de Maio de 2022 - 12:19

COISAS DIFERENTES

Apoio de Bolsonaro a Mauro Mendes não garante palanque a Fagundes, diz Botelho

10 de Maio de 2022 ás 07h 32min, por GAZETA DIGITAL
Foto por ASSESSORIA

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (União), afirmou que a aliança entre o presidente Jair Bolsonaro (União) e o governador Mauro Mendes (União) não garante o apoio do governo à pré-candidatura do senador Wellington Fagundes, presidente do Partido Liberal (PL) em Mato Grosso, que busca a reeleição;.

“Eu vejo essa aliança positiva para o governador e para a reeleição do governador Mauro Mendes. Porém, isso não sacramenta a condição de que o Wellington Fagundes estará no mesmo palanque. Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa”, disse. 

As declarações ocorrem em meio às movimentações políticas para a eleição de outubro próximo. Com a confirmação de que Bolsonaro e Mauro Mendes irão promover uma grande dobradinha para a disputa eleitoral, os questionamentos de que Wellington esteja no mesmo palanque ficaram ainda mais fortes.

O assunto já foi o pivô de discussões e grandes instabilidade dentro da base governista no início do ano, após o chefe do Executivo se reunir com o presidente do PL, Valdemar Costa Neto, em Brasília.

Isso porque os aliados do governo cobram apoio do governador à candidatura do deputado federal Neri Geller (PP), que será adversário de Fagundes na disputa ao Senado e é impulsionado pelo PSD, MDB, PSB, partidos que dão sustentação ao Palácio Paiaguás.

Diante do entrave, Botelho deixou claro que Fagundes só estará no palanque de Mendes se tiver o consenso da alta cúpula do União Brasil.

“Nós temos que construir isso ainda. O governador ainda não se manifestou e teremos que discutir isso internamente dentro do partido”, finalizou.