Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bem vindo ao Visão Notícias - 21 de Janeiro de 2022 - 08:05

PRESO EM VARZEA GRANDE

Sinop: DHPP descobre que homicido de jardineiro foi gravado por assassino

30 de Novembro de 2021 ás 19h 04min, por Visão Notícias
Foto por Visão Notícias

A prisão de Leonardo Faustino dos Santos 20 anos, aconteceu no mês passado no município de Várzea Grande após uma abordagem da Polícia Militar constatar que havia um mandado de prisão expedido pela justiça em Sinop.

Leonardo era investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) por matar no dia 30 de maio de 2020, José Gomes, de 45 anos. A vítima foi encontrada no quarto da residência onde morava, no Jardim das Oliveiras.

Segundo a perícia, a porta da residência estava arrombada, indicando que o agressor invadiu a residência para ceifar a vida da vítima.

José foi encotrado nú e a princípio com quatro perfurações. Uma tesoura de jardinagem foi usada para cometer o assassinado. Dois pedaços de madeira também estavam próximo ao corpo e teriam sido usados para agredir a vítima na cabeça, onde apresentava lesões.

Depois do homicido Leonardo teria fugido e se escondido em casa de parentes no município de Várzea Grande onde acabou preso. Após investigadores descobrirem da prisão do suspeito, foi dado continuidade as investigações e possiveis indicios do crime.

Foi descoberto que no aparelho de Leandro havia a gravação do homicídio de José.

O aparelho foi encaminhado para perícia técnica e os arquivos recuperados. Os vídeos mostram momento que a vítima é violentamente agredida com socos, pauladas, por último o agressor pegou a tesoura de jardinagem e cravado no abdômen de José.

Durante as investigações uma hipótese seria que a vítima teria mexido com a namorada do suspeito, mas ela negou que o fato seria verdade.

O assassinato continua preso e deve esclarecer o motivo que matou José Gomes.