Bem vindo ao Visão Notícias - 07 de Maio de 2021 - 06:45

COBRA

Jovem de 29 anos morre após ser picada por jararaca em casa em MT

03 de Maio de 2021 ás 08h 08min, por G1 MT

Uma jovem de 29 anos morreu na sexta-feira (30) depois de ser picada por uma jararaca - espécie de cobra venenosa -, em Vila Rica (MT). Franciele Bergamin estava em casa quando foi picada no braço, na quarta-feira (28).

Ela foi socorrida e levada ao Hospital Municipal de Vila Rica, onde recebeu soro antiofídico.

No entanto, o quadro de saúde piorou e ela foi transferida para o Hospital Regional de Água Boa e foi internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O boletim médico diz que Franciele teve edema, choque tóxico, hipotensão, hipotermia, insuficiência renal aguda, entre outros problemas.

Franciele deixou dois filhos, entre eles uma bebê de 3 meses, e o marido.

Jararaca é uma espécie de cobra venenosa — Foto:  Igor Macedo/Divulgação

Jararaca é uma espécie de cobra venenosa — Foto: Igor Macedo/Divulgação

As jararacas são venenosas e uma das principais responsáveis por acidentes com picadas no Brasil. A coloração da serpente a camufla em meio às folhas secas, dificultando a visualização e aumentando os registros de acidentes com a espécie.

Orientações

A orientação do Corpo de Bombeiros é que, quando for picada, a vítima procure o serviço médico mais próximo para receber o soro antiofídico.

O soro pode ser polivalente, para uso nos casos em que a espécie do animal é desconhecida, ou específico - no caso de identificação da cobra.

É importante levar uma identificação do animal ou até mesmo o réptil (dentro de um local que o armazene com segurança) para facilitar na hora de identificar a picada e administrar o medicamento.

O local da picada deve ser lavado apenas com água e sabão. Não é orientado que se passe algum tipo de medicamento nada ferida até que a mesmas seja avaliada por um médico.