Bem vindo ao Visão Notícias - 18 de Junho de 2021 - 00:48

PERIGO

Defesa Civil vistoria Hospital Regional de Sorriso e detecta rachaduras em paredes

07 de Junho de 2021 ás 15h 04min, por PORTAL SORRISO

Após um vídeo (assista aqui) que mostra paredes rachadas em uma ala do Hospital Regional de Sorriso (HRS) circular nas redes sociais, a Defesa Civil do município foi acionada. Na vistoria, o problema foi constatado e o órgão solicitou um parecer da equipe técnica responsável pela obra de ampliação.

Segundo o coordenador de Proteção de Defesa Civil (Compdec) de Sorriso, Fábio dos Santos, nesta manhã foi feita uma vistoria técnica. “Procede o vídeo e foram constatados danos no local, que está em reconstrução. Tendo em vista esses danos, a coordenadoria solicita à diretoria a documentação sobre reformas e parecer da equipe técnica. Daí, sim, vamos sentar e vamos decidir se outras providências necessárias serão tomadas”.

No local onde há rachaduras, madeiras foram colocadas por questão de segurança. Porém, como paliativo. “É num corredor sem salas próximas. A princípio está tudo dentro do controle. É uma ala de pouca circulação de pessoas”, disse Santos.

Em fevereiro do ano passado, foi iniciada a reforma de ampliação da estrutura do HRS, cujo valor total da obra é estimado em R$ 8,4 milhões. Porém, ainda não se sabe se as paredes rachadas fazem parte da área onde ocorre as obras ou de uma ala antiga.

Após a reforma, a unidade médica terá um acréscimo de 2.613,22 metros quadrados no prédio, incluindo recuperação da fachada, recepções, salas de espera, cozinha, refeitório, consultórios, enfermarias, centro cirúrgico, Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e salas de urgência e emergência.

A obra também prevê substituição da cobertura, com a troca de todo o telhado, piso, pintura das paredes, instalações elétricas e a inclusão do Programa de Combate ao Incêndio e Pânico.

No ano passado, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) - que ainda não se pronunciou sobre este caso - informou que a obra seria concluída em abril de 2021. Porém, este prazo ainda não foi confirmado.