Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Bem vindo ao Visão Notícias - 21 de Janeiro de 2022 - 06:28

MEIO AMBIENTE

Meio Ambiente realiza plantio de 2 mil mudas de árvores nativas e frutíferas no Nico Bacarat

06 de Dezembro de 2021 ás 09h 54min, por Roneir Corrêa
Foto por ASSESSORIA

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável finaliza nesta segunda-feira (06) o plantio de 2 mil mudas de árvores nativas e frutíferas no Residencial Nico Baracat. A ação que iniciou na última quinta-feira, tem como objetivo a formação da área verde do conjunto habitacional. Entre as espécies frutíferas plantadas, estão Jatobá, Jenipapo, Ingá e Manga.

A secretária, Ivete Mallmann, destacou que a pasta está se antecipando com a formação da área verde no residencial, visando a melhora na qualidade do ar para a população que habitará naqueles apartamentos. “Essa área verde trará um conforto térmico, uma qualidade melhor do ar para esses moradores. Por ser um local de área verde, priorizamos mudas nativas que são árvores frondosas e teremos um local agradável para os moradores”, comentou.

Ivete falou ainda que pelo motivo de a área verde estar dentro de um residencial, algumas árvores frutíferas foram plantadas. “Colocamos algumas árvores frutíferas para que quando essas estiverem produzindo, os moradores possam usufruir de suas produções e desse espaço, como local de convívio”.

O plantio no Nico Baracat faz parte do cronograma de plantio de árvores do município, para esse período de chuvas. A intenção é plantar, até o final da chuvarada, 20 mil mudas de árvores das espécies nativas.

O cronograma conta com 19 pontos, sendo eles pátio de escolas municipais, canteiros centrais de avenidas, praças públicas, pátio do Estádio Massami Uriú, áreas institucionais, Residencial Nico Baracat e a construção do Memorial das Vítimas da Covid-19.

“Dentro das áreas abertas, como parques, praças e outros, nós fazemos o plantio de árvores nativas com estaturas grandes. Nos canteiros centrais e calçadas, escolhemos também árvores nativas, porém, de baixa e média estatura, para não implicar em algum acidente com a rede de iluminação pública”, explicou Ivete.