Bem vindo ao Visão Notícias - 25 de Novembro de 2020 - 07:32

GUERRA CONTRA COVID

Governador garante que MT comprará vacina liberada pela União

29 de Outubro de 2020 ás 08h 56min, por

O governador Mauro Mendes (DEM) garantiu que o Governo de Mato Grosso terá recursos próprios para bancar a vacina contra a covid-19, caso o Ministério da Saúde não entre num consenso para fazer a aquisição do imunizante. A fala ocorreu durante coletiva de imprensa realizada na manhã desta quarta-feira (28), no Centro de Eventos do Pantanal.

“Esse tema da vacina já tem gerado muita polêmica entre o nosso presidente, Jair Bolsonaro e o governador de São Paulo, João Doria. Quem conduz isso é o Ministério da Saúde e ele se predispôs a comprar. Eu não vou entrar nessa polêmica, mas a vacina vai chegar e estará disponível. Se o Governo Federal não comprar, com certeza o Governo de Mato Grosso vai ter o recurso para comprar”, disparou. 

As declarações ocorrem após o Governo Federal anunciar a compra 46 milhões de doses da CoronaVac, vacina produzida pelo Instituto Butantan (SP) em parceria com a empresa chinesa Sinovac. No dia, Mendes chegou a garantir que Mato Grosso também receberia as primeiras doses já no primeiro mês de 2020.

No entanto, o presidente Jair Bolsonaro cancelou a compra um dia depois dizendo que não faria mais a aquisição da vacina mesmo com a aprovação pela Anvisa [Agência Nacional de Vigilância Sanitária]. O fato gerou críticas por parte dos profissionais que fazem a linha de frente do combate a doença, inclusive do secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, que lamentou o fato de que “rixas políticas” estejam interferindo na aquisição da vacina para imunização contra o novo coronavírus.

Apesar de toda reviravolta, o governador apostou que ainda pode existir um consenso para aquisição dos imunizantes em parceria com a União. “Eu acredito que como sempre, todas as vacinas é feito dentro do plano nacional de vacinação. Tenho certeza que o Governo Federal vai responder por essa responsabilidade”, concluiu.