Bem vindo ao Visão Notícias - 18 de Setembro de 2019 - 09:16

Política

Lei proíbe o uso de narguilé em locais públicos de Vera

05 de Setembro de 2019 ás 19h 27min, por Dieny Vieira
Foto por Assessoria

Entrou em vigor em Vera a lei que proíbe o uso de narguilé em locais públicos, tais como; praça, ginásio, áreas de lazer, espaços esportivos, escolas, bibliotecas, espaços de exposição, bares, restaurantes e qualquer local onde houver a concentração e aglomeração de pessoas. A lei nº 1294/2019 ainda dispõe sobre a proibição da comercialização para menores de 18 anos. A regulamentação da lei tem como objetivo destacar as questões de saúde pública, reduzir o risco de doenças provocadas pela exposição à fumaça de produtos derivados do tabaco e proteger a saúde da população priorizando ambientes livres do fumo.

Só é autorizado o uso do narguilé em tabacarias e congêneres com ambientes específicos, para a prática, ficando vedada a permanência e frequência de menores de 18 anos nesses recintos. Para compra do equipamento a lei exige a apresentação de documentos pessoais de identificação, para a comprovação da maioridade do comprador. Para o comprimento da lei será realizada a fiscalização por parte do fiscal da Secretaria de Administração e Finanças da Prefeitura Municipal de Vera e da equipe da Vigilância Sanitária.

Havendo o flagrante do uso do narguilé em local público, será feita a apreensão do mesmo. Se um menor for flagrado em lugar público, fazendo uso do narguilé, será encaminhado ao Conselho Tutelar, bem como responderá às aplicações das sanções legais, o proprietário do estabelecimento comercial onde for constatada a infração ilegal. A medida também punirá por negligência, na forma da lei, aos pais ou responsáveis pelos menores infratores reincidentes.

A Organização Mundial de Saúde (OMS), por meio do Relatório do Grupo de Estudo para Regulação do Tabagismo fez um alerta sobre o consumo do narguilé, além de absorver substâncias tóxicas, a pessoa inala os produtos da combustão do carvão utilizado para queimar o fumo. Um estudo realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em parceria com o Instituto Nacional do Câncer (INCA) concluiu que fumar narguilé por uma hora seguida corresponde ao consumo de tabaco de cem cigarros.

De acordo com a OMS, o uso do produto está associado com o desenvolvimento de câncer, principalmente de pulmão, assim como de doenças cardiovasculares. O consumo em longo prazo, também estaria associado com um maior risco para câncer de boca e bexiga. Além disso, como a mangueira é geralmente compartilhada por vários indivíduos, pode também levar a doenças infecciosas como herpes, hepatite e tuberculose.

____________________________________________________________

Agentes de saúde da UBS Sol Nascente iniciam campanha do Setembro Amarelo de prevenção ao suicídio

Ação será realizada na recepção da unidade durante todo o mês de setembro

A equipe de agentes de saúde da UBS Sol Nascente deu início nesta semana à ação em prol do Setembro Amarelo mês em que se realiza a prevenção ao suicídio. Desde a segunda-feira (02) os agentes de saúde da unidade têm usado alguns minutos nas manhãs para falar com os pacientes que estão aguardando por atendimento na recepção da UBS, sobre a importância da prevenção ao suicídio e a necessidade de pedir ajuda ou ajudar a alguém que esteja passando por alguma dificuldade emocional, ou psicológica. A Dra Ana Paula Coser que é a médica da unidade explicou a importância desse mês e desta ação.

“A gente tem hoje o suicídio como um problema de saúde pública. No Brasil é a oitava causa de morte e no mundo é a terceira. Então é um índice muito grande, e temos visto esta proporção crescendo a cada dia principalmente nos homens jovens de 15 a 29 anos. E um dado de cerca de 4 mortes a cada 40 minutos. Então neste momento pode ter alguém em algum lugar tentando cometer um suicídio e talvez conseguindo. Vem de várias causas mas principalmente da depressão, da ansiedade, por que é um sofrimento muito grande para quem está passando por aquilo, ficar sabendo que tem alguma doença grave, passar por problemas financeiros ou uma desilusão amorosa. As pessoas que passam por esses problemas precisam procurar ajuda. As pessoas que estão por perto precisam ter esse olhar, de buscar ajuda para esta pessoa por que muitas vezes o paciente não tem forças para procurar ajuda. E vamos dar um jeito de ir até esta pessoa para tentar ajudá-la”, destacou a Dra.

O Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio. É neste mês que ações em diferentes esferas sociais buscam promover a saúde mental e dar destaque a centros que oferecem ajuda a quem precisa. O mês foi escolhido em razão do Dia Mundial da Prevenção do Suicídio, celebrado todo ano em 10 de setembro. A médica destacou ainda sobre como o trabalho está sendo realizado na UBS.

“A equipe dos agentes de saúde durante todo este mês estarão falando na recepção da unidade, dando essas instruções para os pacientes. Orientando sobre o que é o setembro amarelo. Explicando sobre o que leva a pessoa ao suicídio, como prevenir e como buscar ajuda. E esta orientação será passada para quem estiver aqui aguardando para fazer consulta. Na segunda-feira tivemos um grande número de pessoas que estavam aqui aguardando e foi muito bonito por que muitas das pessoas que entraram para a consulta se sentiram à vontade para falar. E duas me chamaram a atenção por que um deles me disse que bebia há 50 anos e que nunca procurou ajuda por que ficou com medo e vergonha, e disse que não falou na recepção por que ficou com medo de chorar na frente de todos. E quando ele entrou no consultório ele já entrou chorando. E a outra entrou e também pediu ajuda e disse que já tinha pensado em suicídio quatro vezes nesses últimos meses, o falar das meninas na recepção tocou, eles e eles se sentiram empoderados para falar”, concluiu Ana.

De acordo com o site da campanha Setembro Amarelo, todos os anos são registrados cerca de doze mil suicídios no Brasil e mais de um milhão no mundo. A escalada é alarmante. Estima-se que até 2020 poderá haver um incremento de 50% na incidência anual de mortes por esta causa. Mais de 90% dos casos de suicídio estão associados a distúrbios mentais e transtornos do humor. A depressão é o diagnóstico mais frequente, aparecendo em 36% das vítimas. O aumento dos casos entre os mais novos e com prevalência entre os homens faz da depressão a quarta maior causa de suicídio entre jovens no país.


Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) mostram que o Brasil é o país com maior percentual de depressão na América Latina, chegando a 5,8% da população, o que corresponde a 12 milhões de brasileiros. A taxa é maior do que o valor global, que é de 4,4%. Igualmente maior do que em outros países, a taxa de suicídio entre adolescentes de 10 a 19 anos aumentou 24% de 2006 a 2015. A cada 46 minutos alguém tira a própria vida no Brasil.

____________________________________________________________

Chefe do Departamento de Cultura convida a população de Vera para o ato cívico de 07 de setembro

O ato será realizado na Praça 13 de Maio, contará com a presença de autoridades e apresentações artísticas

No próximo sábado (07) de setembro é comemorada a Independência do Brasil. Onde há 197 anos deixamos de ser uma colônia para ser um dos países mais promissores do mundo. E é com este pensamento que o Chefe do Departamento de Cultura de Vera Rodrigo Gomes em nome da Administração Municipal, convida toda a população verense a participar do ato de patriotismo que tornou o Brasil independente.

“Quero iniciar convidando toda a população verense, os nossos munícipes para o ato cívico de 07 de setembro como já é tradição do nosso município realizar todos os anos. Então vamos iniciar o ato cívico às 07h da manhã como é hábito da nossa gestão  iniciar dentro do horário. Então estaremos ali reunidos com as escolas municipais, o Instituto Educacional Superação e Escola Estadual Nossa Senhora do Perpetuo Socorro também se farão presentes. Teremos este ano a participação do Ballet Luana Pedroso como também do Centro Cultural, Esportivo e Social também com uma turma de ballet e teremos também a participação do CTG Querência da Amizade. Então nosso ato cívico terá diversas apresentações de diversos seguimentos. Então a população está convidada para este ato de patriotismo e civismo”, concluiu Gomes.


O ato está previsto para ter início às 07h, na Praça 13 de Maio. As apresentações culturais serão realizadas pela Banda Municipal de Vera, a Escola Silvia Helena Machado, em seguida a APAE. Depois será a vez da Nilza de Oliveira Pipino, o Instituto Educacional Superação, a Escola Municipal Rural Vitor Valendolf. A Escola Aloizio Jacob Webler, o Centro Cultural, Esportivo e Social. O Ballet Luana Pedroso. O CTG Querência da Amizade e o encerramento ficará por conta da Fanfarra Municipal de Vera Mestre Toninho (FAMVER).