Bem vindo ao Visão Notícias - 20 de Outubro de 2020 - 15:59

ELEIÇÕES 2020

Em 3ª reunião virtual, Juízes Eleitorais avançam no diálogo sobre temas relativos as eleições

15 de Outubro de 2020 ás 11h 05min, por Andrea Martins

Processo Judicial Eletrônico (PJe), cerimônia de diplomação dos eleitos, protocolos sanitários no dia da Eleição e criação de forças-tarefas. Estes foram alguns dos temas amplamente discutidos nesta quarta-feira (14 de outubro) durante a 3ª Reunião entre a equipe administrativa e autoridades do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso e juízes eleitorais que atuam nas zonas eleitorais.

Ao abrir os trabalhos, o presidente do TRE, desembargador Gilberto Giraldelli explicou aos magistrados presentes a necessidade de manter as reuniões virtuais. “Estive recentemente em Rondonópolis, Poxoréu, Guiratinga, Jaciara e Campo Verde e pude me aproximar, ver a realidade de perto. A perspectiva era percorrer todas as zonas eleitorais do Estado para uma reunião presencial ao menos uma vez antes das eleições. Meu ideal era visitar todos os cartórios, me aproximar, sentir a situação de perto, levar soluções e oferecer apoio. E vamos fazer isso, no entanto, não de forma presencial. Essas viagens foram suspensas. Infelizmente estamos vivendo uma Pandemia, que nos prega algumas surpresas e fica difícil planejar algo dentro desse ambiente. Em função do COVID-19 senti na obrigação de suspender essas viagens pois seria arriscado continuarmos esse processo de visitação. Não haverá prejuízo, vamos seguir nos reunindo virtualmente de forma produtiva. Espero que este encontro, assim como ocorreu nos anteriores, seja produtivo, que possamos discutir temas importantes, dirimir dúvidas, promover orientações e compartilhar boas práticas. Estamos praticamente há um mês da eleição, na reta final, e esses encontros se tornam cada vez mais necessários”.

Também foi tema da reunião a contratação de oficiais de justiça, mural eletrônico, a ferramenta interna denominada Painel Judiciário Rcand, abertura de contas bancárias por parte dos candidatos e o engajamento de mesários voluntários. Giraldelli citou o projeto de Lei recentemente aprovado pela Assembleia Legislativa que dispensa os eleitores que trabalharem por dois pleitos do pagamento de taxa para concursos do Poder Público Estadual de Mato Grosso. “Trata-se de uma iniciativa justa e que oferta mais um benefício a esses valorosos eleitores que, no dia da Eleição, participam ativamente do pleito”.

Presente na reunião, o juiz da 43ª Zona Eleitoral de Sorriso, Anderson Candiotto, destacou a importância da partilha de informações, mesmo que em ambiente virtual. “A sabedoria mora na multidão dos conselhos”, conforme provérbio milenar. Participar de reunião periódica com a alta administração do TRE e todos os colegas juízes eleitorais cria ambiente de compartilhamento de ideias e de alinhamento de atuação estratégica, sendo este, na minha visão, o conceito de eficiência institucional disciplinado na Constituição Federal. Parabéns ao Desembargador Giraldelli por inovar e criar esta atmosfera integrada de todos os juízos eleitorais”.

Também presente na reunião, o juiz da 22ª Zona Eleitoral, Mario Augusto Machado destacou os benefícios do diálogo entre todos os envolvidos na realização da eleição e parabenizou o presidente do TRE pela iniciativa. “Esse encontro é de extrema importância para os juízes e equipes dos cartórios eleitorais, uma vez que aproxima o diálogo entre a administração do TRE e os juízes eleitorais que estão nas comarcas do interior do Estado, sobretudo aqueles que ainda não tem experiência e não tiveram a oportunidade de presidir as eleições para prefeito e vereadores. Entendo que a forma com que o presidente do TRE dialoga com os juízes deixa-os à vontade para sanarem as dúvidas jurídicas ou práticas administrativas. A expectativa nossa é muito grande, dos juízes, da Justiça Eleitoral como um todo, para que todos os trabalhos ocorram dentro da normalidade. Essa aproximação, essa liberdade que o presidente do TRE dá aos juízes é muito importante para a confiança de todos no processo. Sem dúvida, o desembargador Gilberto Giraldelli, com a humildade que lhe é peculiar, consegue conduzir com maestria o debate, o diálogo entre os juízes. O Tribunal está de parabéns e espero que venham outras reuniões como essa para que nós tenhamos a calma, a sabedoria, a serenidade necessária para trabalhar em prol da democracia. Deus abençoe”.

Além do presidente do TRE-MT, desembargador Gilberto Giraldelli, também participaram da reunião por parte do Tribunal, o juiz membro Sebastião Monteiro, o juiz auxiliar da CRE, Jurandir Florêncio de Castilho Júnior, o diretor-geral, Mauro Sergio Diogo, o coordenador da CRE, Carlos Luanga, a assessora da presidência, Cristiane Manzano, o secretário judiciário, Breno Gasparoto, a secretária de administração e orçamento, Tânia Yoshida de Oliveira, o secretário de gestão de pessoas, Valmir Milomem, o secretário de tecnologia da informação, Luís Darienzo e o coordenador de controle interno e auditoria, Daniel Taurines.