Bem vindo ao Visão Notícias - 29 de Setembro de 2020 - 03:47

Polícia

Padrasto é preso após mulher deficiente denunciar que ele estuprou a filha dela de 11 anos em MT

09 de Setembro de 2020 ás 07h 24min, por G1 MT

Um homem foi preso nessa segunda-feira (7) em Nova Xavantina, a 645 km de Cuiabá, suspeito de estuprar a enteada de 11 anos.

A mãe da menina e mulher do suspeito, que tem necessidades especiais auditivas e na fala, denunciou o marido.

Conforme informações da Polícia Civil, em uma fazenda localizada nas proximidades do Córrego Voadeira, a mulher tentou impedir o crime, mas foi agredida fisicamente pelo suspeito, que ainda tentou esganá-la.

Diante das informações, a equipe da Polícia Civil diligenciou até a propriedade, onde realizou a prisão em flagrante do agressor e libertou a mulher e a filha.

Logo que percebeu a presença dos policiais, a mulher correu ao encontro da equipe pedindo socorro e, por meio de gestos, descreveu a situação, mostrando ainda os hematomas na pele.

Em buscas na sede da fazenda, os policiais encontraram uma arma de fogo calibre 22, com 4 munições intactas, que foi devidamente apreendida.

Os investigadores levaram as vítimas até o hospital para passar pelos exames realizados pela Politec, sendo constatadas várias lesões nas partes íntimas da criança, confirmando a suspeita de estupro.

O suspeito foi conduzido à Delegacia de Nova Xavantina, onde após ser interrogado foi lavrado o flagrante pelo crime de estupro de vulnerável, lesão corporal e posse ilegal de arma de fogo.

O suspeito foi encaminhado para o presídio Major Zuzi Alves da Silva, em Água Boa, onde permanecerá a disposição da Justiça.