Bem vindo ao Visão Notícias - 28 de Novembro de 2020 - 12:10

POLÍCIA

Operação conjunta da PM e Polícia Civil evita assalto à agência bancária

22 de Novembro de 2020 ás 14h 27min, por PATRÍCIA NEVES

Uma operação conjunta da Agência Central de Inteligência e Comando Regional I e Batalhão de Operações Especiais (Bope), da Polícia Militar, e Gerência do Inteligência, da Polícia Judiciária Civil, resultou na madrugada desta sexta-feira (24.07) na prisão de quatro assaltantes de caixas eletrônicos na cidade de Chapada dos Guimarães (64 km ao Norte de Cuiabá). Houve troca de tiros no pátio da agência bancária invadida e durante o confronto policial. Um militar ficou ferido na mão, foi socorrido e passa bem. Ainda na troca de tiros morreram cinco assaltantes. Outros três escaparam aproveitando a forte neblina na cidade.

De acordo com o coordenador da ação, o titular do CRI coronel Joelson Sampaio, na operação foram apreendidos ainda quatro carros que seriam usados para apoio logístico do bando (Pálio, Corola, Vectra e Corsa). Foram localizados ainda quatro maçaricos. Foram apreendidas ainda uma submetralhadora (modelo Ina), uma pistola nove milímetros, uma pistola ponto 40, um revólver calibre 38.

A ação resultou nas prisões de Célio Jamil Campos França, Claudinei Ferreira Fontes, Alisson Rodrigues de Araújo Coimbra, Rodrigo Garcia de Souza. Os mortos no confronto policial foram identificados como Camilo Pereira Silva Júnior, Edson Cleber de Oliveira, Jeandre Soares de Souza. Outros dois criminosos que faleceram não possuíam documentação e ainda permanecem sem identificação.

O coronel Sampaio explicou que já investigavam a quadrilha há algumas semanas. “Sabíamos de uma ação nessa área e passamos a realizar o trabalho de investigação tendo como base as cidades de Chapada dos Guimarães, Campo Verde e Primavera do Leste. Durante o trabalho confirmamos a suspeita de que o roubo seria aqui e passamos a fazer o acompanhamento de um dos integrantes do bando”, contou.

Durante a madrugada desta sexta, por volta de 1h40, os criminosos desligaram o alarme da agência, cortaram parte do blindex usado como porta, colocaram luvas e meias para evitar que fossem gravados pelas câmeras de segurança, e passaram a revirar mesas e gavetas da unidade.

Com o prédio cercado, a PM realizou a entrada na agência e houve o primeiro confronto na lateral da agência. Na sequência houve um segundo confronto, também na lateral. Os criminosos presos foram encaminhados para a Delegacia Municipal de Chapada dos Guimarães onde são autuados pelo delegado João Bosco Ribeiro.