Bem vindo ao Visão Notícias - 24 de Fevereiro de 2020 - 00:28

Alerta

Buscas a fugitivos da cadeia pública continuam em Alta Floresta

17 de Janeiro de 2020 ás 08h 44min, por Nativa news
Foto por Reprodução

A fuga de sete detentos do presídio de Alta Floresta repercutiu nas redes sociais com várias informações desencontradas. A fuga aconteceu pouco após as 12h no horário de almoço, em contato por telefone com o diretor, Batista Lopes, este confirmou a fuga de sete detentos e a recaptura de um, que se feriu durante a fuga.

Os sete detentos estavam na cela F, a cadeia passa por obras de reforma, a cela F foi o local escolhido para abrigar provisoriamente. Nesta cela, conforme o diretor relatou a redação do site Nativa News, conseguiram acesso a uma serra, "A cela F está no pátio de sol e eles a cerraram a grade e saíram por cima do telhado. Saíram no quintal vizinho e atravessaram ao lado da star veículos e se embrenharam na mata".

A fuga foi percebida por clientes e funcionários do posto de combustíveis em frente a Cadeia e acionaram a polícia. Vagner de Melo da Silva, que aparece mancando nas imagens de circuito de segurança, se feriu na queda do muro e foi recapturado.

Todo efetivo policial foi empenhado nas buscas. "Desde que fomos informados da fuga deslocamos duas equipes de Força Tática, Moto Patrulhamento e mais efetivo ordinário para auxiliar na recaptura destes indivíduos", destacou o comandante do 8° Batalhão de Polícia Militar, tenente coronel Wesmensandro, frisando os trabalhos desenvolvidos, "foram feitas algumas intervenções, adestramento em mata e até em residências onde foram indicados que eles poderiam estar. A gente espera que agora a gente conhece a receber informações mais concretas por parte da sociedade, informando o paradeiro destas pessoas, tendo em vista que foram divulgadas as fotos deles, pois é de interesse social que consigamos trazê -los de volta os Sistema Prisional".

Ainda estão foragidos
Rafael Gonçalves Plácido
Igor Antônio Costa Silva
Willian Wagner de Jesus
Thiago Lameira dos Santos
Vanilson Nunes de Souza
Richar Damião da Rocha Ribeiro

Qualquer atitude suspeita deve ser informada via 190 da Polícia Militar, ou 197 da Polícia Civil.