Bem vindo ao Visão Notícias - 21 de Setembro de 2017 - 11:08
Saúde
15/08/2017 - 09:45h
Hospital Regional de Sorriso passa a realizar o Teste do Olhinho
.
Fonte: Assessoria

O Hospital Regional de Sorriso passou a disponibilizar, nesta segunda-feira (14.08), o Teste do Olhinho para todos os bebês que vierem a nascer na unidade de saúde. O exame passa a integrar a triagem neonatal que avalia o estado geral da saúde do recém-nascido.

O Teste do Olhinho, também chamado como Teste do Reflexo Vermelho (TRV), tem a finalidade de ajudar a identificar doenças como catarata congênita, retinopatia, glaucoma, uveíte, retinoblastoma, cegueira, entre outras, e caso exista alguma anormalidade, esta possa ser tratada desde o início, possibilitando maior controle ou até mesmo a cura da doença detectada.

Cerca de 3% dos bebês no mundo nascem com alguma anomalia ocular e, segundo a Sociedade Brasileira de Oftalmologia Pediátrica, cerca de 80% dos casos de cegueira infantil podem ser evitados.

O Teste utiliza de um método não invasivo e de simples realização, que consiste na emissão de luz através de um oftalmoscópio direto, equipamento de baixo custo e portátil. A luz incidida nos olhos do recém-nascido deve apresentar um tom avermelhado ou próximo (laranja ou amarelo), o que atesta a saúde ocular do bebê, pois significa que as principais estruturas internas do olho estão límpidas, permitindo assim que a luz chegue à retina.

No caso de alguma anomalia, o reflexo luminoso sofre alterações na sua coloração, homogeneidade e simetria binocular, com aparência esbranquiçada. Vale também ressaltar que a diferença de tom entre os dois olhos aponta uma possível diferença de grau ou o estrabismo.

Não existe uma lei federal que determine a realização do exame, mas o hospital regional passará a oferecer o serviço por ter em seu quadro um pediatra habilitado para tal. O teste será feito durante a avaliação que autoriza ou não, a alta do bebê.

“Este tipo de exame é importante e não agrega custo nenhum, será somente incorporação de tecnologia”, destacou Luciele Benin, diretora geral do hospital.

O Teste do Olhinho é indicado para todos os bebês, mas para aqueles que nasceram com microcefalia ou que a mamãe adquiriu o Zika vírus durante a gestação, ele se torna particularmente importante, pois estes recém-nascidos têm maiores chances de possuir algum comprometimento visual.

Em Mato Grosso, o serviço é oferecido através do programa Rede Cegonha, que atende mães e seus bebês, em todos os hospitais que realizam partos. Na capital, o Hospital Geral Universitário, Hospital Julio Müller e Hospital Santa Helena, principais referências para atenção ao parto e recém-nascidos, também realizam o teste.


Cadastro de Opinião
Nome:
E-mail:
Mensagem:
Blog's
© 2017, visão notícias O seu portal de informação