Bem vindo ao Visão Notícias - 22 de Setembro de 2018 - 12:08
Política
26/12/2017 - 21:00h
Juízes de MT recebem comenda de "Mérito Judiciário" no Rio de Janeiro
Ao todo, 20 pessoas receberam a comenda, instituída em dezembro de 1974
Fonte: Assessoria

Em solenidade pelo Dia da Justiça (8 de dezembro), o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) homenageou autoridades com a entrega do Colar do Mérito Judiciário – a mais alta honraria do Poder Judiciário do Estado. Entre os homenageados estão o presidente da Associação Mato-grossense de Magistrados (Amam), o juiz José Arimatéa Neves Costa, e o magistrado do Primeiro Juizado Especial Cível de Cuiabá, Hildebrando da Costa Marques. 

Ao todo, 20 pessoas receberam a comenda, instituída em dezembro de 1974 e concedida a quem prestou "direta ou indiretamente relevantes serviços ao Judiciário fluminense". A escolha das personalidades é tradicionalmente – e exclusivamente – realizada pelo Órgão Especial do TJRJ, formado por 25 desembargadores.

Sob indicação do desembargador Fábio Dutra, que também é secretário de Assuntos Institucionais da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) e diretor de Assistência e Previdência da Associação dos Magistrados do Rio de Janeiro (AMAERJ), José Arimatéa – que também é vice-presidente de Prerrogativas da AMB – destaca que é gratificante ter sua trajetória de luta em prol da magistratura ser reconhecida nacionalmente.  

"Fiquei muito feliz com a honraria e também pela indicação do desembargador Fábio Dutra. Há mais de uma década venho trilhando um percurso de luta pela defesa da magistratura nacional na seara das prerrogativas constitucionais e legais de nossos pares. Sem dúvidas, este será um marco em minha história. Além de celebrar o Dia da Justiça, a data também comemora os 49 anos de fundação da Amam", comenta.

O presidente da Amam complementa que em momentos como este, de valorização da magistratura, é preciso destacar o protagonismo do Poder Judiciário em 2017.

"Este foi um ano muito difícil para o serviço público em geral e para toda a sociedade brasileira, inobstante os aparentes avanços na seara da economia. Mas, essa ação forte e consolidada do Judiciário contra a corrupção na política, envolvendo políticos e empresários nacionais, tem surtido bons efeitos e devolve à sociedade brasileira o orgulho e, principalmente, a esperança de dias melhores para nosso país e nosso povo", pondera.

Pensamento reiterado pelo presidente do TJRJ, o desembargador Milton Fernandes de Souza, que reforça que o Poder Judiciário tem que agir e está agindo. "Por isso, nós agraciamos aqueles que prestam relevantes serviços à Justiça e, assim, ajudam a sociedade. Hoje é dia de homenagearmos aqueles que ajudam a sociedade por meio da Justiça", disse o magistrado, que defendeu ainda um Judiciário "sério, tranquilo e equilibrado".

HOMENAGEADOS – Também receberam o Colar do Mérito Judiciário as seguintes autoridades: o vice-presidente do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios, o desembargador José Jacinto Costa Carvalho; a corregedora-geral do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, a desembargadora federal Nizete Antonia Lobato Rodrigues Carmo; o diretor da Escola Judicial do Trabalho da 1ª Região, o desembargador federal Marcelo Augusto Souto de Oliveira; a juíza auditora corregedora da Justiça Militar da União, Telma Angélica Figueiredo; o juiz auxiliar da 1ª Auditoria da 1ª Circunscrição Judiciária Militar Jorge Marcolino dos Santos; e os magistrados do TJRJ desembargadora Cíntia Santarém Cardinali e juiz Carlos Alfredo Flores da Cunha (post mortem). Foram homenageados com o colar os servidores do TJRJ Luiz Cardoso de Abreu Xavier e Denise Ramos Alves Andrade.

A comenda também foi entregue para o procurador-geral da Justiça do Estado do Rio de Janeiro, José Eduardo Ciotola Gussem; o procurador de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, Márcio Klang; o professor Max Suell Dutra, da Universidade Federal do Rio de Janeiro; os advogados Luiz Henrique Oliveira do Amaral e Paulo Cesar Pinheiro Carneiro; vice-almirante Claudio Portugal de Viveiros, comandante do Primeiro Distrito Naval; vice-almirante Jorge Armando Nery Soares, comandante de Pessoal de Fuzileiros Navais; o vice-almirante José Renato de Oliveira, diretor de Sistemas de Armas da Marinha; general de Brigada Mauro Patrício Barroso.


Cadastro de Opinião
Nome:
E-mail:
Mensagem:
Blog's
Curta Nossa Fan Page

© 2018, visão notícias O seu portal de informação